Desventuras insólitas e sei lá...

segunda-feira, maio 11, 2009

Woody Allen em Preto e Branco

Um comentário:

leitora disse...

"... e eu não sou uma pessoa modesta demais. Quando sou bom, sei apreciar a mim mesmo. Não sou triste, nem confessadamente masoquista a esse respeito, mas sou inteligente o bastante para saber que explorei ao máximo meus dotes limitados, ganhei um bom dinheiro em comparação com o meu pai e, o mais importante, de longe preservei minha saúde..."
Por WOODY ALLEN in Conversas com Woody Allen ( de Eric Lax- editora Cosacnaify)
Beijo na testa!