Desventuras insólitas e sei lá...

terça-feira, abril 27, 2010

Meu Personagem

Estou deprimido assim porque estou preocupado com um personagem do livro que estou escrevendo. Ele está muito mal e eu queria muito ajuda-lo, mas não sei o que posso fazer. Ele tem motivos para estar mal e parece não haver escapatória para sua história. Desde quando o criei tive muita simpatia por ele. É um personagem criativo, inteligente, divertido e muito humano. Tem uma dor e uma vontade de viver muito bonita e ao mesmo tempo muito real. Talvez colocar mais uma mulher em sua vida, uma mulher boa e bonita. Fazer ele se apaixonar. Mas acho que isto só o deixaria mais confuso e perdido. Talvez se eu matasse alguém próximo, criaria um meio dele chorar e descarregar o peito. Alguns anos depois deixar ele mais calmo, mais confiante. Mas para ser sincero acho que não daria certo. Talvez se eu o matasse em um ato heróico ele poderia sair redimido. O problema é que isto simplesmente desconsideraria o real problema dele. Que impasse! Não sei o que fazer. Está cada vez mais claro, não há saída.

Nenhum comentário: